segunda-feira, 9 de maio de 2011

O Cego e a musa


Olho-me pelas frestas
de luz dos seus olhos.
Você vem sedento
aumentar a minha chama
pequena e tímida ao toque
dos seus lábios.
Em meu corpo lições
de amor em braile,
lidas pelas pontas dos seus dedos,
meu segredo Bocaccio sabe:
Entra o fogo, sai o medo.

Mas é cedo meu amor,
Em mim há
muitos versos escondidos,
poesia gritando pra ser lida..
Vem! precisaremos de mais tempo.
Mais do que uma noite,
Mais do que mil vidas.

Sandra Freitas

Nenhum comentário:

Postar um comentário